OVNIs em Benavente

Presidente da Associação de Pesquisa OVNI prevê «nova vaga de círculos».


A Companhia das Lezírias, em Benavente, não voltou a ser a mesma depois do dia 20 de Dezembro. Os enigmáticos círculos, que apareceram no relvado nessa manhã, continuam sem uma explicação lógica, escreve o Correio da Manhã. As marcas surgiram na geada que caíra durante a noite e desapareceram tão misteriosamente como apareceram.

O presidente da Associação de Pesquisa OVNI, Luís Aparício, lamentou o facto de não ter podido investigar o ocorrido. «É muito importante a análise dos círculos, costumamos levar um balde de água para despejar e observar para que lado corre a água», contou à tvi24.pt, salientando que estes círculos apresentam radiações que podem ser nocivas. "É possível que seja o inicio de uma vaga de aparições. Noutros países, este fenómeno caracterizou-se sempre pela aparição de desenhos menos complexos, evoluindo para desenhos mais elaborados", explica.

Para tirar as dúvidas a associação pretende ir ao terreno. Nos vários países onde já foram descobertas alegadas marcas de OVNIS, como a Inglaterra, a Áustria ou a Alemanha, Luís Aparício acentuou o facto de os círculos tenderem a ficar mais bonitos. «Na Inglaterra, inicialmente os círculos eram rudimentares, feitos de uma maneira mais primitiva, mas têm vindo a aprimorar-se, revelando uma aprendizagem», afirmou. Para o presidente, este aperfeiçoamento pode marcar o início de uma nova vaga de círculos em Portugal. «Podemos falar de uma aprendizagem da mente colectiva no que respeita aos círculos».

Questionado sobre a origem dos círculos, não descartou a possibilidade de serem feitos por extraterrestres, alegando que nenhum ser humano teria capacidades para desenhar marcas tão perfeitas e que soltam radiações. «Eles são como bolinhas do tamanho de um punho, que andam sempre aos pares e passam por cima do chão. Têm um sistema antigravítico que nenhum humano tem, daí acreditarmos que podem ser eles a fazer os círculos», revelou o presidente da associação, referindo-se aos OVNIS. "Vamos levar um contador Geiger, que serve para medir as radiações ionizantes. Algumas radiações são mais intensas e ficam no terreno durantye algum tempo.

De acordo com a Sociedade Portuguesa de Ovnilogia (SPO) este "é o primeiro caso, em cinco anos de actividade, em que são apresentadas fotografias" de um fenómeno semelhante. Nuno Montez da Silveira, presidente da SPO, considerou o caso "bastante interessante", lamentando não ter sido possível "ir ao local ainda com as marcas no terreno para as investigar melhor".

"Não havia pegadas junto aos círculos e tudo o resto estava branco com a geada", relatou ao 24 Horas Carlos Samora, dono do restaurante A Coudelaria, em porto Alto, Benavente. " o dono do Restaurante lamenta que os seres deste ou de outro mundo, não tenham ficado para almoço.

Fontes: TVI24, 24 Horas, Correio da Manhã





2 comentários:

Alter Ego disse...

...anda aí cada nave...

maha disse...

E preveêm-se bastantes e das grandes para este fim de semana...

 

Arquivo

LIKE BOX

Contador

Filosofia

Sempre a espancar desde 2006, Representamos o espírito inconformado da Velha Guarda de Vila Franca de Xira que permanece por gerações. Somos Independentes e Regionalistas, Somos o eco dos tempos de glória, Somos a tua voz
“Se há característica irritante em boa parte do povo português é a sua constante necessidade de denegrir e menosprezar o que é feito dentro de portas. Somos uma nação convicta de que nada de bom pode sair da imaginação do português comum e que apenas o que nos chega do exterior é válido e interessante.”