Obras na rua Almeida Garrett reduzem estacionamento

Reabilitação da rua vai dar prioridade aos peões e o sentido do trânsito vai ser invertido.


Os moradores da rua Almeida Garrett, em Vila Franca de Xira, vão ganhar qualidade de vida com as obras que estão a ser feitas no local. O sentido de trânsito vai ser alterado e vão ser colocadas barreiras a impedir o estacionamento em cima dos passeios.


As obras de reabilitação da rua Almeida Garrett, em Vila Franca de Xira, arrancaram já este mês de Julho. A intervenção, da responsabilidade dos Serviços Municipalizados de Água e Saneamento (SMAS), visa substituir e melhorar as redes de abastecimento de água.

Depois segue-se a reabilitação da rua, seguindo um projecto efectuado pela Junta de Freguesia da cidade. A obra vai estar concluída até ao final do ano e representa um investimento de 200 mil euros.

A rua Almeida Garrett, recorde-se, é considerada um dos “pontos negros” da cidade, onde o estacionamento selvagem de automóveis dificultava a passagem de peões e veículos de cargas e descargas.

A intervenção agora em curso vai mudar a face de toda a rua. Os passeios vão ser alinhados com a largura das varandas dos prédios, os corredores pedonais vão estar livres em toda a extensão (através da colocação de pilaretes para impedir o estacionamento), vão surgir duas novas passadeiras (uma em frente ao Centro de Emprego e outra próximo da rua Serpa Pinto) e será feita a renovação do pavimento pedonal.

Além da organização do estacionamento a principal mudança será no sentido de trânsito. Continuará a ser de sentido único, mas em vez de unir a Serpa Pinto à Alves Redol passará a fazer o contrário, ou seja, permitir aos condutores da Alves Redol virar à esquerda, entrar na Almeida Garrett e sair na rua Serpa Pinto, próximo da paragem dos autocarros.

Para os moradores a intervenção era esperada há muito tempo e vai melhorar em muito a qualidade de vida de quem ali vive e trabalha. “Acho que vai ser bom meterem ordem nesta rua que era sempre um caos de carros mal estacionados que não respeitavam as pessoas que andavam nos passeios. Com um saco de compras ou carrinho de criança já tínhamos de andar no meio da estrada”, refere Ana Feliz, moradora.

Para Armando Silva as obras também são vistas com agrado. “Muita gente vai agora poder vir ao Centro de Emprego, às lojas e aos cafés com outra vontade, vamos poder andar nos passeios como pessoas normais. Já era tempo dos políticos perceberem que os carros estacionados devem ficar fora desta rua”, comenta.

Em Fevereiro de 2010, tal como O MIRANTE noticiara, a maioria dos moradores criticava o estacionamento em cima dos passeios e em segunda fila, muitas vezes bloqueando o acesso a garagens e a arrecadações. Em alguns casos as portas das habitações ficavam também bloqueadas por automóveis. A passagem frequente de veículos pesados no local danificava as varandas e as paredes dos edifícios. Com o novo alinhamento dos passeios este vai ser um problema que vai deixar de existir.

Fonte: O Mirante

0 comentários:

 

Arquivo

LIKE BOX

Contador

Filosofia

Sempre a espancar desde 2006, Representamos o espírito inconformado da Velha Guarda de Vila Franca de Xira que permanece por gerações. Somos Independentes e Regionalistas, Somos o eco dos tempos de glória, Somos a tua voz
“Se há característica irritante em boa parte do povo português é a sua constante necessidade de denegrir e menosprezar o que é feito dentro de portas. Somos uma nação convicta de que nada de bom pode sair da imaginação do português comum e que apenas o que nos chega do exterior é válido e interessante.”