Chuva de estrelas cadentes: Hoje!


Duram apenas breves segundos mas deslumbram quem tem a sorte de as apanhar a rasgar os céus. E ainda dão, para quem acredita, direito a um desejo. Na noite de 12 para 13 de agosto, dezenas de estrelas cadentes por hora poderão ser vistas a olho nú, graças a um fenómeno que ocorre todos os anos no mês de agosto.

A chuva de meteoros das Perseidas - assim denominada por estes meteoros surgirem a Nordeste, junto à Constelação de Perseus - são um fenómeno regular, que acontece todos os anos por volta do dia 12 de agosto, quando a Terra passa pelo rasto do cometa Swift-Tuttle.

A noite de 12 para 13 é o pico máximo deste fenómeno, mas as estrelas cadentes podem ser vistas uma semana antes e uma semana depois, até 24 agosto, segundo o Observatório Astronómico de Lisboa.

Há vários fenómenos destes ao longo do ano, mas as Perseidas chamam a atenção por ocorrerem no verão, altura em que as pessoas estão sensibilizadas para atividades ao ar livre, e porque representam um número elevado de meteoros, sendo possível observar umas dezenas de estrelas cadentes por hora.

O ideal para observar este fenómeno é escolher um local afastado das luzes urbanas e com pouco edifícios para que o campo de visão possa abranger todo o céu, aconselha o observatório.

Fonte: Boas Noticias

3 comentários:

maha disse...

Sempre giro de se observar.

gonsa disse...

também sempre q avisam, nunca acontece.
mas como não custa espreitar...
:)

Balrog disse...

Fiasco total...

 

Arquivo

LIKE BOX

Contador

Filosofia

Sempre a espancar desde 2006, Representamos o espírito inconformado da Velha Guarda de Vila Franca de Xira que permanece por gerações. Somos Independentes e Regionalistas, Somos o eco dos tempos de glória, Somos a tua voz
“Se há característica irritante em boa parte do povo português é a sua constante necessidade de denegrir e menosprezar o que é feito dentro de portas. Somos uma nação convicta de que nada de bom pode sair da imaginação do português comum e que apenas o que nos chega do exterior é válido e interessante.”